Imagem capa - O que você precisa saber sobre decoração de casamento ao ar livre por Filipe Nascimento
CasamentoDicas de decoração para casamento

O que você precisa saber sobre decoração de casamento ao ar livre

Casar-se ao ar livre pode trazer muitas vantagens, mas também requer um cuidadoso planejamento. Esse tipo de cerimônia envolve uma logística detalhada e extra que os noivos devem levar em conta para que tudo seja exatamente como sempre imaginaram. O que não faltam são inspirações de detalhes de uma linda decoração de casamento ao ar livre, combinada perfeitamente com a mesa do bolo de casamento e as temáticas e originais lembrancinhas de casamento, que os convidados levam para casa no final da festa. Mas há que se pensar em outros itens.


O que caracteriza a decoração ao ar livre?

“A decoração de um casamento ao ar livre pede leveza e uma ambientação rica em flores e em elementos naturais, que conversem com a natureza ao redor”, explica Taíssa Abtibol, diretora comercial da Renata Paraíso. Para completar, é necessário escolher bem as peças do mobiliário, que vão caracterizar o evento.


Vale destacar que, por mais que este estilo de decoração seja muito flexível, ainda é importante ter bom senso nas escolhas.


O que evitar na decoração de casamento ao  ar livre

Segundo as especialistas, tudo o que está mais relacionado aos casamentos tradicionais deve ser evitado. Arranjos florais enormes em formato bola e lustres muito grandes, por exemplo, estão vetados. Já em relação às cores, preto e prata devem ser descartadas.


Diferenças entre casamento diurno e noturno

Os passos para acertar na decoração de casamento simples vão de acordo com o horário do evento. A cerimônia que ocorrerá entre o dia e a tarde pede por um tipo de ambientação e aquela que acontecerá entre tarde e noite, outra.


Casamento ao ar livre diurno

A festa de casamento ao ar livre simples e diurna comporta cores vibrantes. “Estes tons criam um contraste com o verde predominante da paisagem e trazem vida à decoração”, comenta Roberta. Terracota, marsala, amarelo e laranja estão entre as cores que mais combinam com este período.


Os arranjos plantados com bromélias e orquídeas também são uma boa opção para casamentos diurnos. Sem contar os elementos aéreos. “Como não há necessidade de trabalhar com luzes, estes detalhes entram para preencher o espaço”, revela Orlando Torres, diretor da Kasa Torres. Entre os exemplos estão: gaiola de flores, bolas de rattan, e cúpulas de tecido.



Casamento ao ar livre noturno

Agora, para casamento ao ar livre à noite, a dica é trabalhar com tons claros. “Flores nas cores branca e champanhe vão ajudar a iluminar o local”, ressalta Roberta. Outra dica é justamente pensar na iluminação. As luzes de filamento estão super em alta, bem como as microlâmpadas. Ambas dão um toque arrojado e romântico ao ambiente.


As flores favoritas para o casamento ao ar livre

Independentemente do horário, porém, as espécies de flores mais usadas são as mesmas. Algumas das favoritas dos decoradores são:


– Flor de gengibre;

 – Amaranto;

 – Costela de Adão;

 – Flor do eucalipto;

 – Dracena.


Todas possuem uma estrutura desconstruída, o que garante que o arranjo não ficará arrumadinho e com cara de festa clássica.



5 ideais para usar no casamento ao ar livre

Para um casamento ao ar livre simples e bonito é importante se ater aos detalhes da decoração. No lugar dos cristais, acrílicos e da prataria, entram os materiais rústicos. Ferro, sisal e até barro podem ser incorporados com muito bom gosto. Veja cinco ideais interessantes para adotar na sua festa.


1. Portal rústico

Orlando aponta que uma forte tendência na decoração de casamento ao ar livre rústico são os portais. Na prática, é o adereço que demarca onde começa o espaço da cerimônia e sinaliza o caminho até o altar.


“É uma forma de trazer a simbologia espiritual”, diz. Em sua construção são usadas portas antigas e até descascadas. Flores podem ser adicionadas para dar um charme.



2. Filtro dos sonhos

O filtro dos sonhos é um acessório que está sendo usado cada vez mais no casamento ao ar livre. Segundo a lenda, ele foi criado por uma tribo indígena norte-americana e é capaz de afastar maus sonhos e capturar os bons.


Pode ser incorporado na decoração e até fazer parte da cerimônia. É que existe um ritual em que o casal deve pendurar pêndulos transmitindo votos e energias.


Foto: Valorie Darling


3. Porcelana portuguesa

A porcelana portuguesa já é bonita por si só. O trabalho, geralmente encontrado nas cores azul e branco, combina bem com o ambiente descontraído que tem as festas ao ar livre. E mais: muito além da louça do jantar, é possível usar sopeira, bule e outros adereços espalhados pelos ambientes do casamento.


“É muito elegante e está em alta”, garante Orlando.



4. Balanço de madeira

Para Roberta, a última tendência quando o assunto é festa rústica é o balanço de madeira. Além de ser charmosíssimo e romântico, o acessório vai render lindas fotos de casamento ao ar livre ao pôr do sol para noivos e convidados.


Para eventos noturnos, a dica é enfeitá-lo com microlâmpadas. Flores e ramos podem ser agregados em ambas os períodos.



5. Bolo com flores naturais

Esta ideia foi adotada no casamento no campo de Isis Valverde e André Resende. A solicitação feita pela atriz ao staff da Renata Paraíso, entretanto, não foi nenhuma novidade. É uma forma de criar harmonia com a decoração da festa.


Porém, é necessário tomar um cuidado extra na confecção do doce. As espécies de flores escolhidas precisam ser comestíveis, orgânicas e tratadas com produtos naturais para evitar insetos e fungos. Também é importante lavar as hastes, folhas e pétalas antes de colocá-las sobre o bolo.


Fonte: iCasei




A gora você já sabe tudo sobre casamento ao ar livre.... 

Mas me diz ai, e o fotógrafo para registrar tudo isso você já tem ?

Clica aqui e me manda uma mensagem, vou gostar de saber os detalhes de como vai ser o seu casamento.